Liberdade


Leia ao som de "Shelter" por Ray LaMontagne.


Os cavalos selvagens.
Sou como eles.
O peso de nenhum homem pode deflagrar minha alma.
Apenas o vento me domestica.
Apenas o vento que traz o teu cheiro me domestica.

2 comentários:

  Roberta Galdino

15 de maio de 2011 00:48

nooossa o0'
gostei
bjos

http://rgqueen.blogspot.com/

  Anônimo

9 de junho de 2011 11:14

nossa, cara. não conhecia sua arte. feliz do homem que mostra sua alma em palavras.
abração!